domingo, 29 de junho de 2008

Você é o próximo....


escolhido por Deus. Olha a responsabilidade, hein!? Seguir a alanbelo en Twitter

Um comentário:

Al Stefano disse...

Olá Alan, tudo bem?
Primeiramente, obrigado pela visita no meu blog. Fico feliz de receber visitas de pessoas interessadas em aquarela como você.
Já de cara gostei do seu blog...
É CAMPEÃO!!!!...
Também sou verdão, doente, eu diria!
Quanto à aquarela vamos lá:
è uma técnica considerada das mais difíceis por vários motivos; sua secagem rápida, limitação na manipulação, exige muita atenção para controlar manchas, etc.
A aquarela tem duas principais características:
LUZ e TRANSPARÊNCIA.
Se você não estiver preocupado com nenhuma delas, então não há motivo para "sofrer" com aquarela, é mais fácil usar guache ou acrílica que são tintas de cobertura.
Na aquarela se trabalha do claro (LUZ) para o escuro (sombras), e sempre em camadas de tintas que vão se incorporando(transparência) até alcançar seu objetivo.
Material:
quanto melhor o material maior será a qualidade do resultado. Pra começar sem gastar muito eu sugiro pincéis tigre pelo de marta ou sintéticos da linha pinctore (442) também da tigre. Papél Fabriano artístico, o 50% algodão é mais barato, mas o ideal seria o 100%.
Tinta eu indico a linha Cotman da Winsor, são bisnagas finas e compridas, mas se for muito caro pro seu bolso, use um estojo da Reeves que vem com 12 ou 10 bisnagas, dá pra começar.
Espero ter dado algumas dicas úteis.
Qualquer dúvida ou mais dicas, pode me mandar e-mail alberto@alstefano.com.br
abraço,
Al Stefano